A insônia e Wes Craven

Bem, escrevo esse post em um momento de uma batalha perdida para a insônia. Mas tenho que render uma homenagem a Wes Craven, que morreu no domingo por causa de um câncer no cérebro. Wes foi o gênio que revolucionou o terror com a criação da franquia Hora do Pesadelo em 1984 e Pânico em 1996. A figura de um psicopata que mata os adolescentes quando eles estão transando faz parte recorrente no mundo atual.

Minha insônia é um antidoto contra um Freddy Krueger que possa me matar quando eu estiver sonhando com uma de minhas musas. Mas Wes Craven permitiu uma revolução onde o terror se tornou uma parte de nossa cultura. Assim não teríamos as paródias como a franquia Todo Mundo em Pânico. Isso permitiu que os adolescentes entendessem sua fase dos sonhos que termina em um pesadelo do mundo atual simbolizado por Freddy.

Mas temos que dormir para descansar a mente segundo a ditadura do saudável. Mas como não ligo para este mundo chato onde um médico-ditador me torra a paciência contra os prazeres de uma vida tão curta. Eu sempre faço o papel de Freddy Kruguer quando tenho que acordar um idealista para a realidade ou vestindo a máscara do assassino Ghostface (Pânico) para matar um casalzinho que faz uma papai-mamãe sem vergonha.

A utilidade de um filme de terror é entreter as massas pelo medo e ao mesmo tempo conquistar uma garota via sustos ou uma cena sanguinolenta. Wes não usava o sangue a exaustão. Era uma coisa mais sutil e que permitia que outras coisas como um fax maldito como ferrou a contratação do goleiro espanhol David De Gea pelo Real Madrid fosse capaz de matar uma pessoa com um choque elétrico sem precedentes ou pelo preço de uma conta cara a pagar.

Wes Craven deixou um legado interessante para as novas gerações. Filmes atuais como a Corrente do Mal devem muito ao esforço do criador de Freddy Kruguer. Sempre que vemos algum jovem incauto capaz de ser morto por algo maligno e cruel. Sempre vamos nos lembrar de um diretor de cinema capaz de revolucionar um gênero como Craven e ainda por cima vou agradecer a ele por essa insônia criativa que estou vivendo quando termino esse post.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s