Câmara aprova terceirização para a alegria do comerciante chinês e do Ricardão

Após debates e provocações do presidente da Câmara, o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ). A lei que regulamente o serviço terceirizado foi aprovada. Tal arcabouço irá para o Senado. Pelo jeito, a terceirização de vários setores da vida brasileira como o sexo (o amante fazendo o trabalho do parceiro que não comparece) e do comercio (aquele comerciante xingling que exige o seu couro) serão permitidos como nunca antes na história desse país.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s